Comida de mãe tem um gosto especial e nisso todo mundo concorda! Mas não importa se ela é uma forte candidata ao Master Chef  ou mesmo se ela não leva muito jeito com as panelas, no Dia das Mães será a sua vez de se arriscar como cozinheiro e preparar um prato especial para o almoço. Prepara-se, pois é hora de ativar sua criatividade.

O primeiro passo é com a escolha do cardápio. Como você conhece bem a homenageada do dia, fica mais fácil, ainda mais se você tiver irmãos e possa contar com a ajuda deles na organização. Após a escolha do menu é hora de pensar na decoração. Surpreenda nos pequenos detalhes! Ao preparar a mesa, use velas perfumadas e arranjos florais – de preferência com a flor que a sua mãe mais gosta, assim ela vai notar a sua sensibilidade em planejar esse momento. Você pode apostar em um centro de mesa cheio de recados queridos.

Agora se você está no dúvida do que servir, não entre em pânico, vamos te ajudar! Selecionamos duas receitas de pratos principais, simples de fazer e melhor ainda de comer.

 

Bacalhau gratinado com creme de mandioca

receita-bacalhau-gratinado-creme-mandioca

Ingredientes

1 kg de bacalhau em postas dessalgado

1 xícara (chá) de azeite de oliva

1 kg de mandioca (aipim ou macaxeira) cozida e passada no espremedor

200 leite de coco

1 lata de creme de leite

6 unidades de cebola grandes cortadas em rodelas

100 gramas de azeitona preta sem caroço

1 pote de requeijão (220 g)

queijo parmesão ralado a gosto

 

Modo de preparo

Afervente o bacalhau dessalgado na água. Escorra. Em uma frigideira antiaderente, aqueça 1/2 xícara de azeite e doure as postas de bacalhau. Reserve. Em uma tigela, coloque a mandioca, o leite de coco e meia lata de creme de leite. Se necessário, acrescente sal e misture bem até formar um creme liso. Reserve. Na mesma frigideira, que dourou as postas, sem lavar, coloque o restante do azeite e doure a cebola até caramelizar. Reserve.

Misture bem o requeijão com o restante do creme de leite. Em um refratário grande untado com azeite, coloque o creme de mandioca, acomode as postas de bacalhau e por cima, espalhe a cebola e as azeitonas. Cubra com a mistura de requeijão e creme de leite. Polvilhe o queijo ralado e leve ao forno, preaquecido, a 200 °C, durante 30 minutos ou até gratinar. Sirva em seguida.

 

Dica: dessalgue o bacalhau: troque a água de 3 a 4 vezes ao dia e mantenha na geladeira.

 

Medalhão de filé com batatas gratinadas

file-mignon-com-batatas-rusticas-restaurante-escritorio-rj-1391449079206_900x506

Ingredientes

Medalhão

1 kg de filé mignon

Fatias finas de bacon

Sal e pimenta a gosto
Batata gratinada
1 kg de batata laminada

2 xícaras (chá) de creme de leite

2 xícaras (chá) de leite

1 pitada de noz moscada

Sal a gosto

½ xícara (chá) de queijo parmesão

Molho
1 cebola picada

½ xícara (chá) de vinho tinto

1 xícara (chá) de caldo de carne

1 colher (sobremesa) de manteiga

2 colheres (sopa) de cebolinha picada

Salsa picada

 

Modo de Preparo

Medalhão: corte o filé em fatias de dois dedos. Coloque a fatia do bacon em volta e prenda com palito se precisar. Tempere com sal e pimenta. Grelhe em uma frigideira primeiro a parte do bacon (laterais) depois os dois lados e deixe no ponto desejado.

Batata gratinada: lamine a batata ou fatie fino. Não lave, para não tirar o amido. Coloque em uma panela o creme de leite, o leite, a batata, a noz moscada e o sal. Deixe ferver em fogo baixo até a batata começar a cozinhar, deixando ainda firme. Coloque a batata com um pouco de creme num refratário. Cubra com parmesão ralado e leve ao forno alto para gratinar.

Molho: na frigideira que grelhou a carne, tire o excesso de gordura e coloque a cebola e refogue um pouco. Acrescente o vinho e o caldo de carne e deixar reduzir um pouco. Finalize com a manteiga, o sal e a cebolinha.

About The Author

Leave a Reply

Your email address will not be published.